Economia

Foto: Divulgação
em 12 abril, 2018

Banco Central autoriza Brasil Pré-Pagos a atuar como emissora de moeda eletrônica

A Brasil Pré-Pagos acaba de receber autorização do Banco Central após cumprir todos os trâmites e exigências para se oficializar como uma das primeiras instituições de pagamento, na modalidade de emissor de moeda eletrônica. O anúncio foi feito na última semana e acaba de ser divulgado no Diário Oficial. 

Dentre todas as empresas que também buscam essa autorização, a BPP foi uma das aprovadas após o enviou de toda documentação e preenchimento dos requisitos regulamentados no ano de 2013 e solicitados pelo Banco Central que permitiram a expedição da autorização, que já está em vigor.


Especializada nos meios de pagamento da próxima geração, a BPP é uma das líderes mundiais na emissão de cartões pré-pagos VISA, com mais de 10 anos de experiência, superando a marca de dois milhões de cartões emitidos e amplo know-how em soluções pessoais e corporativas em meios de pagamento. Com foco em inovação, tecnologia e facilidade, a instituição disponibiliza a mais completa gama de produtos para realizar, controlar e facilitar as mais diferentes operações financeiras do dia a dia. 


"Essa notícia chega como um marco na BPP. Um orgulho após anos de dedicação e muito trabalho. Termos sido uma das primeiras empresas a passar pelo crivo criterioso do Banco Central brasileiro, mostra que estamos no caminho certo", comemora o presidente da BPP, Alexandre Ferrari.