Marca Maxmeio

Turismo


01 de novembro de 2017   -   19:00:50

Praia de Maracajaú: lual do restaurante Pajé com Krystal e Tarik será neste sábado

Se ligue na programação para o feriadão na praia de Maracajaú, litoral Norte de Natal, com sol, mar, fogueira, lua cheia e muita música.

Lua cheia nascendo no mar já no início da noite, num ambiente charmoso e agradável, com uma comida dos deuses, preparada com ingredientes frescos.

Assistir e provar os dois espetáculos no Pajé – Culinária à beira mar é a pedida pra este sábado, dia 04, a partir das 17h30, com os shows de Krystal e Sami Tarik.

A cantora e o multi instrumentista, dois talentos consagrados do Brasil, num show imperdível, depois de rodar pelo Sul e Sudeste do Brasil, desembarca na belíssima praia de Maracajaú. (acesso pela Aldeia Maracajaú – Camping e Chalés). Ah, vai ter também fogueira no mirante do infinito.

- SERVIÇO: Luau do Pajé - Culinária à beira mar
- Show "Baião de dois" com Sami Tarik e Khrystal
- Data: 04/11/2017
- Local: O Pajé - culinária à beira mar (Praia de Maracajaú/RN)
- Horário: 17h30h (o sol vai se pôr e a lua cheia vai nascer no mar, em frente ao restaurante)
- Valor: R$ 15,00
- Ingressos limitados (faça sua reserva)

Informações:
@opajeculinaria
84 99962-2177

Solicite sua reserva no camping pelo whatsapp 84-99917.2874

Comentar (0) Curtir Twitter

Turismo

Comentar (0) Curtir Twitter

Turismo


01 de novembro de 2017   -   18:34:21

RN: Eco Praça chega a praia de São Miguel do Gostoso

O Eco Praça chega ao município de São Miguel do Gostoso, no Rio Grande do Norte, neste fim de semana, com atividades e atrações culturais de 02 a 04 de novembro. O projeto, que visa à ocupação e reutilização criativa de praças e espaços públicos, está inserido no programa de patrocínios da Cosern, por meio da Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo, também vai promover uma edição em Natal no início de dezembro.

 “O tema do Eco Praça 2017 é “Resiliência” e estamos com uma expectativa ótima para essa edição de São Miguel do Gostoso. Já são dias de preparo e ações no município. Vamos levar arte e conhecimento para cidade e deixar um painel com grafite, além da revitalização da Praça Nilo Neri, onde acontecerá o evento, que foi uma das contrapartidas do projeto para realizar uma edição na cidade”, afirma Geraldo Gondim, idealizador e coordenador do Eco Praça.

 Oficinas, palestras e distribuição de mudas

 A estrutura de todo o evento será montada com materiais totalmente ecológicos, na chamada bioconstrução, que também será a abordagem da primeira atividade da programação, que se inicia no dia 02 de novembro, com a Oficina de Bioconstrução ministrada pelo mestre em Dinâmica Socioambiental e reestruturação do território, Geovane Almeida.

Na sexta, o dia começa com uma palestra sobre Criatividade no Processo de Criação e Gestão da Marca que Transforma Ideias em Moda e Kombi em Loja Itinerante com Raoni Fernandes, CEO da marca de camisetas Sem Etiqueta. Também será realizada uma oficina de Arte Urbana e uma ação de Graffiti com o artista Augusto Furtado, o Arbus, que trará seus personagens coloridos e com questionamentos expressos no olhar num painel que passará a ser parte da paisagem da cidade.

Na manhã do sábado o reaproveitamento dos resíduos orgânicos e a relação das pessoas com o consumo e o meio ambiente serão o tema da Oficina de Compostagem com o permacultor Hugo Diógenes. “Durante a oficina, os participantes serão convidados a repensar o papel de cada um na comunidade em que vive, na relação com as outras pessoas, no consumo e em como reaproveitar ao máximo o que poderia virar lixo, como as sobras de frutas e cascas de legumes, e transformá-lo em um composto orgânico, que pode ser usado para adubar jardins, hortas ou ser comercializado, gerando renda extra à família”, explica o oficineiro.

 No decorrer do evento também serão distribuídas mudas de plantas com objetivo de amenizar os danos causados pela emissão de CO2 nas mais diferentes atividades do dia a dia e, por meio, de uma parceria com a Cooperativa Gostoso Recicla todos os resíduos gerados no evento serão recolhidos e destinados a reciclagem.

Exposição de Artes Visuais

Na mesma proposta de arte urbana também serão apresentadas duas exposições. A expression Deformation, do artista Airton Bruno (Creaty), que tem como ideia central a intervenção artística na figura humana, confrontando padrões estéticos e mesclando o expressionismo abstrato com a provocação ambulante no imaginário do espectador. Também estará em exposição no Eco Praça a Exposição Coletiva Graffiti Expo Natal que reúne diversos estilos e técnicas de vários talentos da arte urbana potiguar, especialmente do graffiti, mostrando o trabalho de veteranos e jovens artistas do segmento. Nessa exposição será possível ver as obras de artistas como: Pok, Pardal, Felipe Bezerra, Gabriel Gago, Edi Clemente, Arbus, Gapix, Sussa entre outros.

Atrações Culturais

A programação cultural começa na sexta (03) com o espetáculo "Sancho Pança - O Fiel Escudeiro", da Tropa Trupe, que traz as aventuras do palhaço Piruá, que jura ser Sancho Pança, o fiel escudeiro de Dom Quixote de La Mancha e em busca do valente cavaleiro, percorre o mundo a serviço dos mais frágeis e enfrentando injustiças. Para fechar o primeiro dia de Eco Praça o autêntico forró à moda antiga com o Trio Ariado e seu “Forró Pé de Duna”, que trará clássicos que vão desde Luiz Gonzaga e Trio Nordestino a Elino Julião com um repertório misto de tradição e música autoral.

 No sábado teremos durante o dia intervenções circenses e de tecido aéreo com a Tropa Trupe e a noite será repleta de muita música e sonoridade começando com o embalo da banda Skarimbó, que com sua musicalidade contemporânea e suas levadas rítmicas inspiradas em estilos musicais sul-americanos e regionais leva as pessoas a dançarem e se unirem através do som.

Em seguida o palco recebe a banda Luísa e os Alquimistas com uma sonoridade que transita entre a cumbia, o dubstep, o ragga, o tecnobrega e o dub em beats eletrônicos mesclados. A banda já possui o álbum o “Cobra Coral” e em breve lançará o “Vekanandra” que segue o fluxo da musicalidade envolvente criada pelos seus componentes e ao mesmo tempo se aventura em novas experiências sonoras.

Para fechar a noite uma grande festa da música potiguar com o Grêmio Etílico Carnavalesco Orquestra Greiosa, projeto formado um grupo de artistas de Natal, que trará um repertório baseado em músicas de artistas potiguares e nas canções do primeiro álbum da banda “Toda Cor, Toda Massa”. O trabalho , composto e registrado em duas semanas, contou com a produção primorosa do paraibano Chico Correa, que já assinou produção para artistas como Baiana System, Cabruêra, Chico César, entre outros.

Feira de Economia Criativa

A Feira de Economia Criativa do Eco Praça contará com diversos expositores e os mais variados produtos. Um dos participantes é a startup Donnaame que vai realizar um experimento social no evento para estimular a prática da doação indireta em troca de outro produto que também foi doado. “A iniciativa do Donnaame promove a sustentabilidade e abre uma nova janela na indústria da economia criativa. Temos o propósito de “entregar valor” aos usuários e aos itens que eles doam na plataforma fazendo com que coisas que antes seriam descartadas agora encontrem utilidade pela mudança simples de usuário”, explica um dos idealizadores da iniciativa Kaleb Melo.

O Projeto Eco Praça 2017 tem o patrocínio da Cosern – Grupo Neoenergia, via Fundação José Augusto e Lei Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e apoio do Sebrae/RN, Sinsenat, Prefeitura de São Miguel de Gostoso e Associação dos Empreendedores de São Miguel do Gostoso e Região.

SOBRE O ECO PRAÇA

 O projeto Eco Praça é um movimento sociocultural de ocupação e ressignificação criativa de praças e espaços públicos sob a perspectiva de ações colaborativas que englobam arte e cultura, lazer, economia solidária e criativa, educação ambiental e qualidade de vida, com intervenções lúdicas, promovendo a conscientização socioambiental e a transformação desses espaços.

Resultado de diversas ações colaborativas que se iniciaram em 2013, a iniciativa reuniu e mobilizou muitos participantes e parceiros, em prol da ocupação criativa de diversos espaços públicos. Foram 35 edições realizadas com uma diversificada programação, que teve a participação de cerca de 80 mil pessoas, 400 artesões e expositores, 120 apresentações culturais, 38 vivências e 38 oficinas realizadas e 40 atividades com temáticas relacionadas ao meio ambiente. 

A ação é idealizada e promovida pelo Instituto Ancestral, organização social autônoma e popular que desenvolve ações afirmativas de caráter cultural, político e eco pedagógico com o objetivo de promover e difundir habilidades para alcançar um modo de vida sustentável.

Programação Eco Praça São Miguel do Gostoso

QUINTA - 02/11

- Oficina de Bioconstrução com Geovane Almeida - Mestre em Dinâmica Socioambiental e reestruturação do território
Mutirão de Revitalização da Praça Nilo Neri

SEXTA -  03/11

- Palestra: criatividade no processo de criação e gestão da marca que transforma ideias em moda e Kombi em loja itinerante com Raoni Fernandes - Pós-graduado em Marketing e CEO da Sem Etiqueta)

- Teatro: Espetáculo Sancho Pança - Tropa Trupe
- Música: Forró com o Trio Ariado

SÁBADO - 04/11
- Oficina de Compostagem - Como reaproveitar os resíduos orgânicos das residências e as relações entre as pessoas, o consumo e o meio ambiente com o permacultor Hugo Diógenes
- Arte Urbana – Oficina e ação de Graffiti e Exposição Coletiva Graffiti Expo Natal

- Feira de Economia Criativa – Sebrae/RN
- Intervenção Circense - Tropa Trupe

Música:

DJ Russo Camarão Nativo
Skarimbó
Luísa e Os Alquimistas
Orquestra Greiosa

Curta o Eco Praça na internet e nas redes sociais:

Site: www.ecopraca.com

Facebook: Ecopraça

Instagram: @ecopraca

 

 

 

Comentar (0) Curtir Twitter

Turismo


01 de novembro de 2017   -   18:23:32

Turismo de aventura: dunas de Pitangui recebem o Red Bull Desafio das Dunas

Os tradicionais passeios de buggy irão dar passagem a uma competição off-road inédita que promete agitar as dunas de Pitangui, no litoral Norte de Natal, no dia 25 de novembro. O Red Bull Desafio das Dunas 2017 vai reunir buggies e gaiolas para uma disputa dividida em categorias e com premiações de até R$ 3 mil.

Foto: Canindé Santos

A competição que também conta com o apoio da Prefeitura de Extremoz deve reunir pilotos de todo o Brasil que disputarão entre si para ver quem é o mais rápido entre eles. Com um circuito cheio de curvas e balizado por bandeiras, os pilotos terão como desafio aliar técnica e velocidade para superar os competidores e atravessar a linha de chegada do circuito de aproximadamente 1 km nas dunas da praia que fica localizada no município de Extremoz.

O curador do Red Bull Desafio das Dunas, Kleber Nascimento, promete muita adrenalina na competição. “Esse é um evento bastante aguardado, especialmente por quem está próximo a Natal. Essa cena já tem mais de 30 anos de tradição por aqui e uma competição como esta só tem a somar. Por enquanto, o que eu posso dizer é que teremos muita adrenalina, com os carros alcançando cerca de 70 km/h na areia solta, manobrando em muitas curvas, com subidas e descidas”, afirma.

O evento terá início às 8h (horário local), com duração prevista de três horas. Os competidores devem se inscrever até 15 de novembro pelo site da Red Bull (www.redbull.com.br). As vagas são limitadas.

Com informações de www.redbull.com.br

 

Comentar (0) Curtir Twitter

Turismo


01 de novembro de 2017   -   18:17:22

Tributação: pedido de adesão ao Simples Nacional já pode ser agendado

O pedido pode ser feito pela internet por micro e pequenas empresas que estão fora desse regime fiscal. Atualmente, mais de 156 mil negócios do Rio Grande do Norte já são optantes pelo Simples

Por: redação Sebrae

Natal - A Receita Federal abriu o período de agendamento para os pedidos de adesão ao Simples Nacional para 2018. As micro e pequenas empresas que estão fora desse regime fiscal e desejam fazer a opção têm até o dia 28 de dezembro para entrar no site do Simples Nacional e agendar a solicitação. Em alguns casos, o Simples chega a reduzir a carga tributária para o empreendedor em até 40%. No Rio Grande do Norte, mais de 156 mil negócios de pequeno porte estão nesse regime fiscal.

De acordo com analista da Unidade de Orientação Empresarial do Sebrae no Rio Grande do Norte, Ruth Suzana Maia, esse agendamento é importante para verificar possíveis pendências e regularizar antes de encerrar o período de adesão. Quem estiver com todos os impostos e documentações em dia receberá, automaticamente, o registro no Simples Nacional no dia 1º de janeiro. Para as empresas que exercem novas atividades incluídas no regime simplificado, como alcoólicas, a opção somente pode ser feita a partir do primeiro dia do próximo ano.

Em 2018, já passa a valer novas regras do Simples, como aumento do teto de faturamento do Microempreendedor Individual (MEI) de R$ 60 mil para R$ 81 mil e a faixa de transição de até R$ 4,8 milhões de faturamento anual para as empresas que ultrapassarem o teto de R$ 3,6 milhões, com recolhimento do ICMS e ISS fora do Simples Nacional.

O processo de agendamento tem como objetivo facilitar o ingresso no sistema de tributação diferenciado, pois permite a verificação prévia de pendências jurídicas e fiscais que talvez possam interferir na concessão do imposto.
Para fazer o agendamento, basta que o empresário acesse o link Agendamento da Opção Pelo Simples Nacional no site do Simples Nacional.

Os donos de pequenos negócios que ainda não fazem parte do sistema simplificado, e que por ventura perderem o prazo de agendamento, poderão pedir a adesão ao Simples Nacional a partir de janeiro. Os prazos de agendamento e de pedido de adesão não são válidos para empresas recém-criadas, que têm até 30 dias depois da liberação do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) para aderir ao programa.

O Simples Nacional abrange os seguintes tributos: IRPJ, CSLL, PIS/Pasep, Cofins, IPI, ICMS, ISS e Contribuição Patronal Previdenciária para a Seguridade Social (CPP). O recolhimento é feito por um documento único de arrecadação, que deve ser pago até o dia 20 do mês seguinte.

Para ajudar os empresários a saberem qual o regime tributário mais vantajoso para sua empresa, o Sebrae Nacional disponibilizou no site www.sebrae.com.br o Simulador Tributário, uma calculadora que apresenta a carga tributária aplicável às micro e pequenas empresas, dentro e fora do Simples. A ferramenta permite que o empresário compare as tributações e analise se é melhor optar pelo Supersimples ou pelo Lucro Presumido.

Após acessar a ferramenta, o empreendedor precisa ter em mãos o ramo de atividade e os valores da receita anual e da folha de pagamento. Com o preenchimento dos campos fornecidos, poderá visualizar o quanto recolheria de imposto no Simples Nacional e no Lucro Presumido.

Serviço:
www.rn.agenciasebrae.com.br
http://www.rn.sebrae.com.br
http://www.facebook.com/SebraeRN
http://www.twitter.com/SebraeRN
Call Center: 0800 570 0800
Agência Sebrae de Notícias (ASN RN): (84) 3616-7911

 

Comentar (0) Curtir Twitter

Turismo


01 de novembro de 2017   -   18:08:46

Vencedores do Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2017/2018

Pousada Piuval, do pantanal mato-grossense, foi a grande premiada da noite

A Braztoa anunciou os vencedores do Prêmio Braztoa de Sustentabilidade 2017/2018 na noite da última segunda-feira, 30/10, em cerimônia no Hotel Recanto Cataratas, em Foz do Iguaçu.

A Pousada Piuval, de Poconé, no pantanal mato-grossense, levou o Prêmio Top Sustentabilidade e ganhou, além de um vídeo exclusivo, produzido pelo Ministério do Turismo, uma bolsa de estudos 100% (cem por cento) no curso de Pós-Graduação EAD – Inovação E Empreendedorismo em Negócios Turísticos Sustentáveis do SENAC, que também vai dar uma consultoria para os vencedores de cada categoria.

O case da empresa, que concorreu na categoria Meios de Hospedagem, é o trabalho com reuso de água, reciclagem de lixo e ações socioculturais para formar novos guias de turismo na cidade. O empreendimento se tornou referência em estações de tratamento de água ao chegar à marca de dez mil litros reciclados por dia, feito adquirido com a reutilização da água usada em pias, chuveiros e ar condicionado, direcionada para vasos sanitários.

Além disso, a pousada tem fortes ações socioculturais. Não só todos os colaboradores são da região, como a Piuval é parceira do projeto guia mirim, para formar novos guias no destino.

Durante a cerimônia, a Braztoa também anunciou que a edição 2018/2019 do Prêmio será em Ilhabela. 

Os premiados foram selecionados entre as 79 iniciativas cadastradas, número recorde entre todas as edições da premiação, por uma banca de jurados, composta por Alexandre Garrido (ABNT), Ariane Jane (Global Ecotourism Network), Caco de Paula (Agência Auá Brasil), Federico Asper (Espertise Investigación), Helena Costa (UNB), Isabel Barnasque (Ministério do Turismo), Jessica Kobayashi (SENAC) e Mariana Aldrigui (USP).

Saiba mais sobre os vencedores dentro de cada categoria:

·         Associados Braztoa

- BWT Operadora

Desde 2015, a operadora paranaense BWT, que já atua no mercado há 21 anos, desenvolve o projeto "Better World Together", que reúne uma série de ações para fazer o mundo melhor, que vão de prevenção desde iniciativas para prevenir o câncer até a reciclagem de materiais. Um exemplo de sua busca por um mundo menos poluído é a campanha Adote uma Caneca, cujo intuito é chegar à marca zero de copos descartáveis dentro da empresa. A última ação do projeto é o Trem do Natal da Melhor Idade e das Crianças, em que são beneficiadas mais de 500 pessoas com um dia sobre os trilhos, na ferrovia que liga Curitiba a Morretes (PR).

·         Agências de Viagem

- Baluarte Pousada e Ecoturismo

A fim de desenvolver o potencial turístico de Tutoia, no Maranhão, a Baluarte Pousada e Ecoturismo criou “Passeio Circuito Praias”, cuja ideia é inserir o turista dentro da comunidade de pescadores da região, que fica entre o Delta da Parnaíba e os Lençóis Maranhenses. Durante a atividade, os interessados podem conhecer as atrações naturais, os artesanatos e a culinária local, à base de frutos do mar, entrando em contato com os moradores. Dessa forma, pretende-se valorizar as iniciativas da população, buscando soluções para estimular o comércio e diminuir a migração de famílias para outras cidades.  

·         Resorts

- Sofitel Guarujá Jequitimar

O resort, localizado no litoral de São Paulo, já não produz mais efluentes líquidos – o esgoto. O estabelecimento antes seguia a regra geral enviando o esgoto para que a empresa de tratamento desse o destino correto. Com o projeto "Emissão Zero", conseguiu reverter essa regra tratando todos os efluentes líquidos. A água tratada é reutilizada em diversas outras atividades do hotel, como na refrigeração das torres de ar-condicionado. Esse posicionamento sustentável também contribuiu na redução do consumo de água. Em 2014, o Sofitel, deixou de gastar R$ 800 mil de consumo de água, graças ao sistema de reaproveitamento.

·         Meios de Hospedagem

- Pousada Piuval - MT

O case da empresa, que concorreu na categoria Meios de Hospedagem, é o trabalho com reuso de água, reciclagem de lixo e ações socioculturais para formar novos guias de turismo na cidade. O empreendimento se tornou referência em estações de tratamento de água ao chegar à marca de dez mil litros reciclados por dia, feito adquirido com a reutilização da água usada em pias, chuveiros e ar condicionado, direcionada para vasos sanitários. Além disso, a pousada tem fortes ações socioculturais. Não só todos os colaboradores são da região, como a Piuval é parceira do projeto guia mirim, para formar novos guias no destino.

·         Parceiros do Turismo

- Cataratas do Iguaçu S/A

O Grupo Cataratas S.A. é a principal concessionária de serviços de turismo sustentável no Brasil atualmente. O programa "Cadeia de Valor para a Conservação no Parque Nacional do Iguaçu", tem foco no relacionamento com as comunidades, apoiando causas sociais, privilegiando a contratação de moradores e fornecedores da região. Só em 2017 o projeto ajudou cerca de 500 micro e pequenas empresas vizinhas do Parque Nacional do Iguaçu, gerando mais de R$ 40 milhões em renda. Com esse projeto, o grupo se insere na comunidade em volta do parque, incentivando que atividades como o extrativismo, a caça e a agricultura com agrotóxico sejam trocadas por outras que tenham como foco atividades turísticas e sustentáveis. Neste ano, 70% das compras de bens e serviços do Cataratas S.A. foram de fornecedores de municípios vizinhos ao parque.

·         Projetos Inovadores

- CEFET RJ / Petropolis

Com o objetivo de estimular o turismo em áreas protegidas, os alunos da CEFET desenvolveram um projeto de turismo astronômico para as regiões no Castelos do Açu, em Petrópolis, nos limites do Parque Nacional da Serra dos Órgãos. O passeio de baixo impacto à natureza é voltado para quem gosta de observar fenômenos que acontecem no céu, como eclipses, chuvas de meteoros e apreciar galáxias e constelações. Com a realização desses roteiros, pretende-se promover o turismo do local, criando alternativas de trabalho para a população e encorajando novos empreendimentos no setor. Ao levar os turistas a essas áreas de preservação ambiental, espera-se sensibilizá-los sobre a importância da conservação desses locais.

·         Menção Honrosa

Estância Mimosa Ecoturismo S/A

Untamed Angling do Brasil

Entre as ações desenvolvidas pelo projeto de sustentabilidade da Estância, estão o uso responsável de recursos naturais e busca constante da minimização dos possíveis impactos ambientais e sociais negativos decorrentes da atividade turística; a prioridade na contratação de mão de obra local; e a venda de artesanato somente de produção regional para valorizar a cultura da região. Atualmente, o empreendimento é um modelo de ecoturismo, principal atividade econômica da empresa. Em 2013, foi criada uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) para proteger a biodiversidade da região. A reserva fica nos arredores da Serra da Bodoquena, entre as elevações, escorre o rio Mimoso, que alimenta várias cachoeiras em seu percurso. O solo calcário da região é responsável pela coloração especial das quedas.

·         Menção Honrosa Internacional

Rain Forest Alliance

Sobre a premiação

A melhor iniciativa classificada é declarada TOP Sustentabilidade e ganha, além de um vídeo exclusivo, produzido pelo Ministério do Turismo, uma bolsa de estudos 100% (cem por cento) no curso de Pós-Graduação EAD – Inovação E Empreendedorismo em Negócios Turísticos Sustentáveis do SENAC.

Todos os premiados, desde a primeira edição, podem ser visualizados no site: Turismo Sustentável no Brasil: Iniciativas Premiadas – Braztoa e Ministério do Turismo (http://iniciativassustentaveis.turismo.gov.br/), uma parceria entre Braztoa e o Ministério do Turismo, disponível em três idiomas e que serve como fonte de consulta para parcerias e turistas, nacionais e internacionais, que buscam por experiências de viagem mais sustentáveis.

Para completar, os ganhadores dentro de cada categoria do prêmio terão direito a uma consultoria educacional para melhor desenvolver as suas iniciativas proporcionada pelo SENAC, seja presencialmente (no caso de São Paulo) ou à distância (outros estados).

Sobre o Prêmio Braztoa de Sustentabilidade: www.braztoa.com.br/premio/

Patrocínios: Argentina
Parceiros Institucionais: Ministério do Turismo, OMT e ONU Meio Ambiente.
Parceiros de Mídia: Brasilturis, Diário do Turismo, Mercado & Eventos, Panrotas e Travel 3.
Apoio: SENAC

Sobre o Programa Braztoa de Sustentabilidade

Desde 2005, a Braztoa tem realizado fortes investimentos em ações de sustentabilidade, buscando estimular e auxiliar seus associados a promover boas práticas do turismo sustentável, tornando-o cada vez mais responsável e voltado ao tripé da sustentabilidade.

Esse posicionamento fez com que a entidade também se tornasse membro da OMT (Organização Mundial do Turismo), tornando o Prêmio Braztoa de Sustentabilidade o primeiro do mundo a ter a chancela do órgão.

Em 2011 a BRAZTOA criou o Programa Braztoa de Sustentabilidade (PBS), para demonstrar os benefícios de incorporar a sustentabilidade à gestão das empresas e da própria associação, dando ênfase aos pilares sociocultural, ambiental e, sobretudo, econômico.

Deste programa, nasceram importantes ações, dentre elas, o Prêmio Braztoa de Sustentabilidade, o SEEDS (Semeando a Excelência do Desenvolvimento Sustentável) e a parceria com a ONG Colmeia, que visa promover ações de capacitações entre estudantes e operadores Braztoa, com o intuito de inserir esses jovens no mercado de trabalho com mais experiência e expertise em turismo.

Em 2017 a BRAZTOA passou a ter o entendimento de que todas as atividades associativas que desenvolve visam a sustentabilidade do setor e o Programa Braztoa passa a abranger as demais ações: institucionais, de fomento do setor e de promoção e apoio à comercialização.

 

Comentar (0) Curtir Twitter

EDIÇÃO N° 52 - OUTUBRO DE 2017