Economia

Foto: Naya Alves, Emanuelle Paiva e Eunice Estevão.
em 8 março, 2018

Mulheres são destaque no empreendedorismo, de acordo com pesquisa

Eunice Estevão não deixou que a deficiência física fosse um empecilho para demonstrar vontade de vencer. Ela está à frente de uma associação para portadores de necessidades especiais, no município de João Câmara. Em Natal, Naya Alves também mostra a força da mulher para empreender e comanda dois negócios, um de balas caseiras e outro de representação de sorvetes e picolés saudáveis. Determinação semelhante teve Emanuelle Paiva, que foi pioneira em Mossoró ao implantar na cidade um serviço de home care com atendimento semelhante ao que é feito em uma unidade hospitalar.

Esses são apenas alguns dos muitos exemplos de mulheres potiguares que enxergaram na abertura de um negócio uma forma de se posicionarem e também de obter autonomia financeira. Na indústria, no comércio ou na prestação de serviços, as mulheres se destacam cada vez mais no cenário empreendedor. O número é cada vez maior. Segundo a pesquisa Donos de Negócio no Brasil, análise de gênero (que utiliza dados da Pnad/IBGE de 2016), o número de brasileiras empresárias cresceu 34% entre 2001 e 2014, enquanto o aumento de homens nesta situação, no mesmo período, foi de 14%.