Marca Maxmeio

Notícias

Política

16 de julho de 2017   -   18:19:16

Temer destinou R$ 15 bilhões em verbas para obter vitória na CCJ

Nas duas últimas semanas o governo Federal anunciou a liberação de verbas para estados e municípios afim de conquistar apoio dos deputados da CCJ (Comissão de Constitutição e Justiça) da Câmara, o montante chega a R$15,3 bilhões e pode ter sido utilizado como estratégia para barrar o encaminhamento da denúncia de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer. 
 
Pelo menos 20 deputados da CCJ foram remanejados para garantir a rejeição da denúncia. Diante das manobras, o PSOL argumentou que entrará com uma representação no Ministério Público Federal por currupção ativa, desvio de finalidade e obstrução à Justiça.
 
Na última quarta-feira, Temer anunciou a quantia de R$ 11,7 bilhões em linhas de crédito para obras de infraestrutura como iluminação pública, saneamento e gestão de resíduos sólidos. Na quinta-feira, decidiu realocar R$ 1,7 bilhão em recursos para a Saúde, destinados para compra de ambulâncias e gastos na atenção básica em 1.787 municípios. Antes, na terça-feira, anunciou R$ 103 bilhões de recursos do Banco do Brasil para o Plano Safra 2017/2018, que já havia sido lançado oficialmente no início do mês, com o valor de R$ 190 bilhões.
 
"Não é normal o deputado receber verba para votar a favor do governo. É o fisiologismo no poder" afirmou Chico Alencar (PSOL-RJ).  O líder do DEM, deputado Efraim Filho (PB), rebateu a acusação  dizendo que é papel do parlamentar levar investimentos para sua cidade por meio de emenda.
 
"O governo está investindo nos municípios, não está dando dinheiro na mão dos deputados. O parlamentar que leva investimento para sua cidade está cumprindo o papel dele", disse.
 
Apesar da vitória na CCJ,  a decisão final cabe ao plenário da Câmara no próximo dia 2 de agosto. São necessários 342 votos para que a denúncia prossiga para o STF (Supremo Tribunal Federal).
 

 Por Redação com informações de O Globo.

Comentar (0) Curtir Twitter

Deixe seu comentário

Blogs

EDIÇÃO N° 48 - JUNHO DE 2017