Rituais da Boa Mesa - rituaisdaboamesa@gmail.com

Janaina Amaral

Anote as dicas imperdíveis de como preparar o molho de queijo perfeito

07 de Dezembro 2018 - 06:00

Não tem como negar que o queijo é um dos ingredientes mais utilizados na culinária do mundo todo, sendo servido em pratos quentes, frios, doces ou salgados.

Produzido, principalmente, a partir do leite da vaca, pode ser encontrado em diversos tipos, com consistência e sabores diferentes. Alguns queijos são mais conhecidos do que outros e mais fáceis de encontrar, como o muçarela, o provolone, o prato e o parmesão, por exemplo.

Escolher um preferido diante de todas as opções não é fácil, pois quando harmonizamos com outros ingredientes a experiência de consumo muda completamente. Um toque especial também é preparar molhos que são extremamente saborosos, mas para isso é necessário saber escolher o tipo ideal de queijo, além de algumas técnicas para conseguir o resultado esperado.

Sugiro o preparo da receita de Penne ao Molho de Queijo e Linguiça e ainda ensino duas dicas muito importantes para fazer molhos à base deste ingrediente tão presente em nosso dia a dia. Confira:

  • Para fazer molhos e sopas, use queijos secos ralados ou úmidos, já que eles se dispersam mais facilmente na água do que o cheddar ou o suíço;
  • Para evitar que os queijos fiquem empelotados e oleosos, rale-os em tiras bem finas. Acrescente o queijo ao líquido quente, mas não borbulhante. Mexa o menos possível para evitar a formação de tiras de proteína. Acrescente um pouco de farinha de trigo ou amido para evitar que as proteínas formem grumos ou que a gordura se acumule.

Seguindo estes conselhos simples, você consegue um resultado maravilhoso e ainda conquistará vários elogios do pessoal de casa.

Veja o passo a passo da receita abaixo:

Como fazer Penne ao Molho de Queijo e Linguiça

Ingredientes:

Molho

4 colheres (sopa) de Margarina Puro Sabor

4 colheres (sopa) de Farinha de Trigo Tipo I (sem fermento)

2 litros de leite, em temperatura ambiente

4 xícaras (chá) de queijo parmesão ralado

Sal a gosto

2 colheres (sopa) de óleo

600 g de lingüiça fresca, em rodelas

2 cebolas grandes, cortadas em meia-lua
 

Massa

1 embalagem de Penne (500g)

1 colher (sopa) de sal

3 talos de cebolinha picados
 

Modo de Preparo:

Em uma panela derreta a manteiga e junte a farinha. Em fogo baixo, mexa por alguns instantes até tostar a farinha. Aos poucos, despeje o leite, mexendo vigorosamente para não empelotar. Cozinhe para que encorpe, acrescente o queijo e mexa até obter um molho homogêneo e espesso. Tempere com o sal e desligue o fogo.

- Aqueça uma frigideira com o óleo e doure as lingüiças. Retire-as e, na mesma frigideira, doure as cebolas. Misture a lingüiça, desligue o fogo e reserve.

- Em uma panela grande, ferva 5 litros de água com o sal. Cozinhe a massa durante o tempo indicado na embalagem ou até que esteja “al dente”, ou seja, macia, porém resistente à mordida. Escorra imediatamente, acrescente o molho e misture a linguiça acebolada. Polvilhe a cebolinha e sirva em seguida.
 

Rendimento: 10 porções

Tempo de Preparo: 40 minutos

Como fazer Massa de Pizza de Liquidificador

06 de Dezembro 2018 - 06:00

Prato típico do fim de semana, a pizza é a pedida certa para curtir este tempinho de descanso com muito sabor. Por isso, sugiro a prática Massa de Pizza de Liquidificador para aproveitar com os amigos e a família.

O melhor de tudo é que você pode preparar em casa esta maravilha em menos de 20 minutos e ainda escolher o recheio que preferir para deixar a sua pizza ainda mais gostosa.

Veja abaixo o modo de preparo e bom apetite!

Ingredientes:

Massa

1 xícara de leite

1 ovo

2 colheres (sopa) de Margarina 

1 1/2  xícara de Farinha de Trigo tipo I (sem fermento)

1 colher de fermento químico em pó

1 pitada de sal
 

Recheio

Molho de tomate a gosto

Queijo muçarela a gosto

Frango desfiado

Tomate

Azeitona

Orégano
 

Modo de Preparo:

- Coloque todos os ingredientes da massa no liquidificador e bata a massa até formar uma mistura homogênea. Depois ponha tudo em uma forma untada e polvilhada e espalhe para que a massa não fique grossa em fina demais. Leve ao forno médio (180º) por 10 minutos.

- Retire do forno e coloque o recheio. Depois leve ao forno por mais 5 minutos para derreter o queijo e sirva.

Outback inova mais uma vez e lança panettone exclusivo com seu famoso brownie

05 de Dezembro 2018 - 06:00

Os fãs do Outback Steakhouse poderão levar um #MomentoOutback superexclusivo para casa neste Natal: a marca inovou e criou uma combinação deliciosa de panettone de chocolate com seu tradicional brownie. Chamada de Thunderttone, a novidade traz uma receita especial de panettone com gotas de chocolate, recheado de ganache de chocolate meio amargo, finalizado com cobertura de chocolate ao leite e granulado belga, e uma base do legítimo brownie com nozes pecãs da sobremesa Chocolate Thunder From Down Under. A irresistível novidade tem 800 gramas, custa R$ 59,90 e estará disponível no restaurante de Natal, a partir de 05/12.

Receita: Hambúrguer com Molho de Gorgonzola e Iogurte

04 de Dezembro 2018 - 06:00

Ingredientes:
100g de Queijo Gorgonzola
1 pote de Iogurte Natural
4 pães de hambúrgueres
4 hambúrgueres grelhados
15 folhas de rúcula

 Modo de Preparo

- Em uma tigela, misture o Queijo Gorgonzola com o iogurte até adquirir uma textura de molho cremoso.

Para a montagem

- Corte os pães ao meio e aqueça-os em uma frigideira e reserve. Coloque as folhas de rúcula sobre o pão. Por cima, o molho de gorgonzola e, por último, os hambúrgueres já grelhados.

Sirva em seguida.

Conheça os mitos e verdades sobre o drink Rabo de Galo

01 de Dezembro 2018 - 06:00

drink Rabo de Galo, assim como a Caipirinha, é um patrimônio cultural do Brasil com 64 anos de história. Sua propagação começou na cidade de São Paulo com a chegada de uma fábrica de bebidas nos anos 50.

Nos dias atuais é o drink à base de Cachaça mais consumido no país. Para se ter uma ideia do consumo, dos 1,3 bilhão de litros de Cachaça consumidos nos estados brasileiros, cerca de 70% é de Rabo de Galo.

Para promover ainda mais a bebida histórica, os organizadores do II Concurso Nacional do Rabo de Galo, Mestre Derivan e o bartender Daniel Júlio, se uniram e preparam uma lista com os principais mitos e verdades sobre o Rabo de Galo. Confira:

Mito - O Rabo de Galo é o drink à base de Cachaça mais apreciado no Brasil. A bebida foi criada para os brasileiros?   

Em 1954, uma indústria de bebidas especializada em Vermute queria atender os anseios alcoólicos dos imigrantes italianos, que residiam no país. No entanto, estes consumidores encantados pela Cachaça não bebiam mais o Vermute, mas apreciavam muito o “ouro líquido brasileiro”. Assim, foi criada uma mistura dos dois, inclusive com copo exclusivo, que continha marcação das doses. Segundo relatos, o fundo do copo era mais grosso para aguentar a batida no balcão, na volta do gole. A verdade é que a bebida foi criada para os italianos, mas caiu no gosto dos brasileiros.

Mito - O drink Rabo de Galo é feito apenas como Vermute e Cachaça?

O Rabo de Galo, que inicialmente tinha em sua proporção original 2/3 de Cachaça para 1/3 de Vermute, nos dias de hoje não tem uma receita exata e nem há uma técnica fixa de preparo: as bebidas podem ser misturadas num mixing glass com gelo ou no próprio copo de servir.

Verdade – O nome da bebida foi “abrasileirado”? 

No início, a bebida era para ser chamada de Cocktail, mas a idéia foi rapidamente descartada e substituída pela tradução da palavra em inglês cock tail, que, em português, significa Rabo de Galo.  

Mito – A cachaça que vai na mistura do Rabo de Galo só pode ser a branca?

Não, a bebida é preparada a base de cachaça. Atualmente, o drink permite a liberdade de criação, não tendo uma receita exata, como a Caipirinha. A única regra é que na receita contenha cachaça.  

Verdade – O Rabo de Galo é um drink que está ganhando espaço nas cartas de bebidas de restaurantes renomados?

Sim. A bebida tem agora voltada para si as luzes dos holofotes, já que o estudo da origem da Coquetelaria Brasileira tem sido objeto de constantes pesquisas de bartenders e mixologistas, que querem resgatar as origens dos drinks para inseri-los nas cartas dos estabelecimentos que são referências mundiais. Até um movimento vem sendo feito para que o Rabo de Galo seja o segundo coquetel brasileiro à base de Cachaça a estar presente na lista da IBA - International Bartenders Association. Essa seleta lista conta com quase 100 drinks considerados os clássicos do mundo e tem como base diversos destilados. Todo barman precisa conhecer e saber fazer estes cocktails.

Aprenda a preparar um prato de origem Polonesa

30 de Novembro 2018 - 06:00

Viajar através da gastronomia é uma delícia. Quando vamos a um restaurante de comida mexicana, logo nos lembramos da música e da alegria do país, já as massas nos faz viajar até Itália.

Para apresentar a você o sabor de mais um país, sugiro um prato vindo diretamente da Polônia: Kluski Z Makiem.

O nome é difícil, mas o preparo dessa comidinha é super simples. Além disso, levando o macarrão tipo Penne Grano Duro, o seu prato ficará incrível, pois essa massa premium feita com grão duro, um tipo de trigo especial, após o cozimento, deixa a massa naturalmente al dente, ou seja, soltinha e macia, porém resistente à mordida.

Veja abaixo o passo a passo e aproveite o fim de semana para convidar a família para um delicioso almoço!

Como fazer Kluski Z Makiem

Ingredientes
1 pacote de Macarrão Penne Grano Duro 
½ xícara de sementes de papoula
1 ½ xícara de leite
1 xícara de mel
2 colheres (sopa) de manteiga
½ xícara de uvas passas brancas
½ xícara de uvas passas pretas
½ xícara de amêndoas laminadas
Raspas e suco de uma laranja

Modo de Preparo
- Cozinhe a massa Macarrão Penne Grano Duro conforme as instruções da embalagem. Reserve.
- Em uma panela, derreta a manteiga, acrescente as amêndoas, as uvas passas brancas e pretas, as raspas e o suco de laranja e o mel.
- Misture bem e desligue o fogo - Coloque a massa previamente cozida nessa mistura, envolvendo-a bem.
- Polvilhe então as sementes de papoula, misture bem e sirva quente ou frio.

Aprenda a fazer Pudim de Pão com calda de ameixa na panela elétrica

29 de Novembro 2018 - 06:00

Você tem de pão de forma em casa que está perto do vencimento e não sabe o que fazer? Para evitar o desperdício,sugiro uma receita de pudim de pão com calda de ameixa preparada na panela de pressão. Além de saborosa, a sobremesa é superfácil de fazer.

Confira:

Ingredientes

4 fatias de pão de forma velho cortadas em cubos

1 colher de sopa de manteiga

1/4 colher de chá de sal

1/2 xícara de açúcar mascavo ou comum

1 colher de chá de canela em pó

2 1/2 xícaras de leite quente

2 ovos ligeiramente batidos

1 colher de chá de baunilha

1/2 xícara de uvas passas

1/2 xícara de nozes moídas

1/2 xícara de água

Calda de ameixa

200g de ameixa preta sem caroço

1 xícara de açúcar

1 xícara de vinho tinto ou branco

1 colher de chá de maisena

Modo de preparo

Corte o pão em cubos e coloque os pedaços em um recipiente. Junte a manteiga, o sal, o açúcar, a canela, o leite, os ovos, a baunilha, as uvas passas e as nozes e misture bem. Unte uma forma que possa entrar e sair facilmente de uma panela elétrica. Caso queira, caramelize o fundo da forma e unte os lados. Na sequência, despeje a mistura na forma e cubra com papel alumínio ou papel manteiga e amarre. Ponha a água e a forma na panela elétrica. Tampe a panela e deixe cozinhar, aproximadamente, de 40 minutos a 1 hora.

Fonte: BLACK+DECKER

Natal ganha temporada dedicada ao hambúrguer com combos promocionais a R$21,90

28 de Novembro 2018 - 09:48
De 20 de Novembro a 01 de Dezembro, Natal recebe a primeira edição do Blend Festival. Trazendo receitas inéditas e montagens criativas, a temporada reúne grandes hamburguerias da cidade, enaltecendo o símbolo gastronômico que conquistou o mundo: o hambúrguer. Cada estabelecimento participante oferece, durante o período, um combo exclusivo composto por um hambúrguer com blend de no mínimo 150g, um acompanhamento e uma bebida pelo valor fixo de R$21,90. Além disso, a boutique de carnes pioneira do Nordeste, a Cordeiro Chique, também participa do evento, oferecendo o combo “TO GO”, especialmente para levar para viagem e proporcionar ao público a oportunidade de montar seu próprio hambúrguer em casa.


Além de oportunizar novas experiências nos próprios estabelecimentos participantes, o festival conta também com a praticidade e a comodidade do delivery, possibilitando ao público a função de pedir seu combo onde estiver pelo aplicativo do Meu Menu. O delivery oficial da temporada traz também, além dos combos promocionais das casas participantes do Blend, criações de dar água na boca desenvolvidas por hamburguerias parceiras do Meu Menu, no valor fixo de R$21,90, para você pedir exclusivamente pela plataforma.

Outro destaque do festival é a programação especial criada para o encerramento. Nos dias 30 de Novembro e 01 de Dezembro, a loja do Cordeiro Chique receberá a “Hamburgada no Cordeiro”, evento com assinatura do Blend Festival que reunirá chefs renomados da cidade, promovendo uma experiência final pelo universo dos hambúrgueres e blends especiais.
 
As oficinas serão harmonizadas e acompanhadas, em ambos os dias, com rótulos especiais das cervejas Eisenbahn, apoiadora da temporada em Natal, contando também com a degustação, ao longo da programação, dos hambúrgueres criados pelos chefs Warison Albino, Ângelo Medeiros e Marcos Nery (Blackitchen). As pulseiras para a “Hamburgada no Cordeiro” são limitadas e já estão sendo vendidas na própria loja do Cordeiro Chique, situada na Av. Rodrigues Alves, 595 – Petrópolis. Para conferir a programação completa da “Hamburgada no Cordeiro”, bem como os incríveis combos da temporada, acesse @sigablend no Instagram.    
 

PARTICIPANTES:
Arizona Burger
Barões do Café
Bistrô 21 (Midway Mall)
Blackitchen
Burguesia

Chef Fit´s (combo exclusivo para delivery)
Conpastello
Cordeiro Chique
Freddy’s Burger
Goodala Burger

Gourmet Burguer (combo exclusivo para delivery)
Hermes Burger
Mercearia Sanduiche
Milliways
Pittsburg
Rapadura Hambúrguer Brasileiro
SanGuga’s
Wayne’s Burger Star

Receita de Panetone de chocolate e frutas secas Fit

27 de Novembro 2018 - 06:00

A época mais mágica do ano se aproxima, e com ela as deliciosas preparações que recheiam a mesa de Natal como o Panetone, que divide diferentes opiniões e gostos.

Portanto, quando se trata de saúde, é preciso moderação deste pão doce. “A versão convencional é rica em açúcar, farinha refinada e gordura vegetal, e pode comprometer o gerenciamento de peso ou até causar desconfortos como os intestinais”, diz Karla Maciel, consultora nutricional da E4.

Para manter o clima de Natal e não abrir mão do saudável, a nutricionista indica substituições inteligentes e ensina a preparar o próprio Panetone. “Os ingredientes escolhidos mantém a textura de um panetone, sem deixar de lado a oferta de fibras para o funcionamento intestinal, vitaminas e minerais para as células em todo o organismo e energia, na forma de carboidratos complexos e de qualidade”, diz.

Segundo ela, esta alternativa é uma oportunidade para variar e descobrir novas sensações na gastronomia. “Além de manter o sabor da tradição que muitas pessoas apreciam, ainda agrega nutrientes ao nosso organismo”, explica.

Receita Panetone nutritivo 

Ingredientes

Pré – fermentação

1 colher (sopa) de fermento biológico seco instantâneo

½ xícara (chá) de suco de laranja

1 colher (sopa) de açúcar de coco

1 xícara (chá) de farinha de arroz

Massa

3 ovos

½ xícara (chá) de óleo de coco

1 colher (sopa) de vinagre de maçã

1 colher (sopa) de essência de panetone

½ xícara (chá) de farinha de aveia sem glúten

1 xícara (chá) de polvilho doce

1 colher (chá) de CMC ou goma xantana

¾ de xícara (chá) de açúcar mascavo

½ colher (chá) de sal

1 xícara (chá) de chocolate amargo 70% picado

1 xícara (chá) de uva-passa

1 xícara (chá) de oleaginosas (castanhas, amêndoas e nozes)

Modo de preparo

Pré-fermentação

Dissolva o fermento no suco de laranja, acrescente o açúcar de coco e ¾ de xícara de farinha de arroz. Deixe descansar por 1 hora e reserve.

Massa

Bata os ovos em uma batedeira até esbranquiçarem, adicione o óleo de coco, o vinagre e a essência de panetone e, em seguida, os ingredientes secos (farinha de aveia, polvilho doce, CMC ou goma xantana, açúcar mascavo e sal) peneirados, juntamente com a esponja (a massa após pré-fermentação).

Incorpore o chocolate (cacau 70%), as uvas-passas e as oleaginosas à massa e acomode a mistura em formas de mini panetone, cobrindo até a metade e deixando-as descansar por 10 minutos.

Coloque os panetones  em uma assadeira e asse-os a 180˚C por 30 minutos, em média.

Faça o teste do palito: se ao colocá-lo na massa ele sair limpo, significa que já está assado.

Por fim, decore como preferir com laços e frutas secas ou frescas.

Depois de pronto, este prato pode ser consumido da forma que preferir. “Pode ser gelado, deixando algum tempo na geladeira, ou temperatura ambiente acompanhado de um café”. Ainda, para os ativos e adeptos de exercícios físicos, a consultora nutricional da E4, Karla Maciel, recomenda como um pré-treino, por ser uma boa fonte de energia.

Lembrando sempre de evitar os excessos nas porções “Não exagere nas quantidades, sempre mantenha o equillíbrio nutricional!”, conclui.

Bolo de Churros sem glúten e sem lactose

26 de Novembro 2018 - 06:00

Ingredientes - Massa Bolo:

- 3 unidades de ovo.

- 3 colheres de sopa óleo de coco ou margarina sem leite

- 1 xícara açúcar demerara

- 2 xícaras de farinha de arroz integral

- 1/2 xícara de leite de coco

- 1/2 colher de sopa canela em pó

- 1 colher de sopa fermento em pó

Modo de preparo - Massa Bolo:

1. Bata as claras em neve e reserve.
2. Em outra vasilha, bata com a batedeira as gemas com o óleo de coco (ou margarina) e o açúcar.
3. Acrescente a farinha sem glúten e o leite de coco, batendo sempre.
4. Coloque a canela em pó e o fermento e misture com uma colher.
5. Acrescente as claras em neve e misture delicadamente.
6. Coloque em uma forma untada com óleo e enfarinhada e leve ao forno preaquecido a 180 graus.
7. Asse por aproximadamente 30 minutos ou até dourar (espete um palito para ver se está assado).

8. Deixe ficar morno, tire da forma e corte ao meio

 

Ingredientes - Leite de Amêndoas:

- 2 xícaras de amêndoas sem pele (hidrate de 8 a 12 horas)

- 900ml água de coco

 Modo de preparo - Leite de Amêndoas:

1- Após a hidratação, coe e coloque as amêndoas no liquidificador

2- Adicione o leite coco e bata

3- Coe novamente com um pano fino
 

Ingredientes – Doce de Leite sem Lactose

- 900ml de leite de amêndoas (receita acima)

- 100ml de leite de coco

 - 7 colheres de sopa de açúcar demerara

 - 1 colher de sopa de açúcar de coco

 - 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio

- 2 colheres de sopa de amido de milho

 Modo de preparo - Doce de Leite sem Lactose:

1- Misture tudo e leve ao fogo (mexer cerca de 40 minutos a 1 hora).

2- Recheie uma das metades do bolo já cortadas, junte com a outra metade e passe o doce em cima da massa, cobrindo-a. Salpique canela em pó e sirva.

Fonte: Namu Cursos

Receita: Strogonoff de Pirarucu com Creme de Castanha de Caju

24 de Novembro 2018 - 06:00

Realizar um jantar saboroso e que agrade a todos os convidados é o desejo daqueles que recebem em casa. Mas hoje só é possível alcançar este objetivo se incluir no cardápio opções mais saudáveis e até mesmo com algumas restrições. 

Essa opção é de um prato principal com ingredientes mais naturais e nutritivos.

Strogonoff de Pirarucu com Creme de Castanha de Caju - Receita sugerida pelo natural chef Carlos Rocha, retirada do curso Cardápio Funcional Completodo Namu Cursos.

Ingredientes - Peixe:

- 250 g de pirarucu cortado em cubinhos

- 1/2 cebola pequena picadinha

- 1 dente de alho amassado

- 1 colher de sopa de azeite

- ½ colher de chá de cúrcuma

- 1/4 de colher de chá de pimenta-do-reino

- ½ colher de sopa de extrato de tomate fresco

- ½ cenoura pequena ralada

- ½ colher de sopa de tomilho fresco

- ½ colher de sopa de salsinha fresca picada

- Sal a gosto

Ingredientes - Creme de castanha de caju:

- 1 xícara de castanha de caju crua e sem sal (deixar de molho em água por 8h)

- 1 xícara de água

- ½ cebola grande picadinha

- Sal, pimenta do reino e noz moscada a gosto

 

Modo de Preparo - Creme de Castanha:

1. Escorra a água da hidratação e descarte.

2. Lave as castanhas e coloque-as no liquidificador.

3. Adicione a xícara de água e as nozes e tempere com sal e pimenta do reino.

4. Bata até formar um creme homogêneo. Se precisar, adicione mais água.

Modo de Preparo - Peixe:

1. Refogue a cebola no azeite e adicione o peixe em cubinhos.

2. Coloque a cenoura ralada, o tomilho e o alho e mexa por alguns segundos. Acrescente a salsinha, o extrato de tomate e a cúrcuma e misture.

3. Tempere com sal e pimenta a gosto. Mexa por 3 minutos.

4. Adicione o creme e misture mais um pouco.

5. Monte no prato e finalize com cebolinha.

Sirva com arroz sete grãos.

Como fazer Pastel Falso de Belém

23 de Novembro 2018 - 06:00

Ingredientes:

Massa

125g de Farinha de Trigo tipo I (sem fermento)

65 g de Margarina

1 gema

2 colheres (sopa) de açúcar
 

Recheio

1 ½ lata de leite condensado 
 

Modo de preparo:

Massa

- Misture 125g de farinha de trigo, 65g de margarina 1 gema, 2 colheres (sopa) de açúcar até obter uma massa homogênea.

- Forre 12 forminhas de empadinhas com a massa. 
 

Montagem

- Coloque o leite condensado até um pouco mais do meio da forminha e leve ao forno preaquecido a 170ºC por 40 min. 

Como fazer Filé com Espaguete no Molho Pesto

21 de Novembro 2018 - 06:00

Ingredientes:

500g de Espaguete 

8 medalhões de filé com 200g cada

150ml de azeite

2 xícaras de folhas de manjericão

1 dente de alho

80g de queijo parmesão ralado

50g de amêndoas

Sal a gosto

Pimenta a gosto

400g de manteiga

Salsa a gosto

 

Modo de Preparo: 

1 - Cozinhe o espaguete em água e sal por 6 minutos. Escorra e reserve.

2 - Tempere os medalhões de filé com sal e pimenta do reino a gosto.

3 - Sele os medalhões de filé em uma panela com um fio de azeite.

4 - Coloque no liquidificador as folhas de manjericão, o alho, o azeite, as amêndoas, o queijo parmesão, o sal e a pimenta do reino. Bata bem até se transformar em um molho homogêneo.

5 - Misture a manteiga com a salsa picada e separar em oito porções. Leve para o freezer até congelar.

Montagem:

1 - Disponha em um prato o ninho de espaguete, o molho pesto sobre o espaguete.

2 - Coloque o medalhão de filé em cima do molho pesto e finalizar com a manteiga de ervas e sirva.

Versão recheada de Cuca Salgada vai deixar o seu dia mais gostoso!

20 de Novembro 2018 - 09:42

A cuca é um bolo inspirado na receita de Streuselkuchen, tradicional da cultura alemã. Aqui no Brasil, existem diversas formas de preparar esta delícia e a mais famosa é a cuca doce, com variações em seus ingredientes, como maçã, morango, goiabada ou limão, por exemplo.

Trouxe uma sugestão um pouco diferente, mas incrivelmente deliciosa: Cuca Salgada de Toscana.

Além de salgada, esta versão ainda conta com um recheio especial que vai deixar o pessoal de casa apaixonado!

Veja o modo de preparo abaixo:

Ingredientes:

Massa:

1 xícara de leite integral

1/2 xícara de óleo vegetal

3 ovos

2 xícaras de Farinha de Trigo Tipo I (sem fermento)

1/2 xícara de farinha de rosca

4 colheres de sopa de queijo ralado

2 colheres de sopa de fermento em pó

Sal a gosto

Pimenta-do-reino a gosto
 

Recheio:

2 linguiças toscana (fora da pele)

1 colher de sopa de azeite

1 cebola picada

1 tomate picado

1/4 de maço de salsinha

100g de catupiry
 

Farofa:

4 colheres de sopa de queijo ralado

1/4 de xícara de farinha de rosca
 

Modo de Preparo:

Massa:

- Leve todos os ingredientes líquidos ao liquidificador e bata. Adicione aos poucos os secos, menos o fermento.

- Quando todos os ingredientes estiverem incorporados, desligue-o. Adicione o fermento em pó e misture com uma colher.

Recheio:

- Em uma frigideira, coloque o azeite e refogue a cebola. Adicione a linguiça sem a pele, cozinhe até ela ficar dourada e mexa bem.

- Adicione o tomate e a salsinha e deixe-os cozinhar por 3 minutos; reserve.

Farofa:

Misture os dois ingredientes e reserve.

Montagem:

Em uma travessa untada, monte uma camada da massa, o recheio, o catupiry, o restante da massa e polvilhe a farofa por cima. Asse a cuca a 180ºC até dourar, aproximadamente 35 minutos.

Porções: 10 a 12 porções, dependendo da forma.

Parafuso com tomate cereja e manjericão gratinado

17 de Novembro 2018 - 06:00

Ingredientes:

500g de Parafuso
150g de cebola picada
15g de alho picado
150ml de azeite
300g de tomate cereja
600ml de molho de tomate
Manjericão a gosto
400g de muçarela
100g de parmesão
Sal a gosto
Pimenta do reino a gosto


Modo de Preparo:

1 - Cozinhe o Parafuso em água e sal por 8 minutos.

2 - Reserve o Parafuso cozido.

3 - Em uma panela, coloque o azeite, o alho e a cebola. Deixe refogar.

4 - Acrescente os tomatinhos cerejas cortados em 4.

5 - Coloque o molho de tomate.

6 - Tempere com sal, pimenta do reino e folhas de manjericão a gosto.

7 - Misture o Parafuso cozido com o molho de tomate.

8 - Coloque em uma panelinha e disponha alguns pedacinhos de muçarela e queijo parmesão ralado.

9 - Leve para o forno até o queijo derreter.

10 - Servir.

 

Aproveite o feriadão com receita superfácil: Carbonara Express

15 de Novembro 2018 - 06:01

Se tem uma coisa que o brasileiro adora, é um bom feriado. Prolongado, então? Não tem coisa melhor! Ficar em casa curtindo a família ou até arranjar um lugarzinho na praia parece um sonho para quem tem uma rotina corrida e mal pode esperar o fim de semana chegar para conseguir uns dias de descanso.

Mas, a carta curinga para deixar este momento mais gostoso é saborear um delicioso prato e transformar o feriado em algo muito mais especial. O legal é que existem várias opções incríveis de receitas muito fáceis de fazer, como o Carbonara Express.

Além de ficar pronto em 20 minutos, é a massa ideal para qualquer ocasião, seja no almoço ou no jantar, sozinho ou acompanhado. Assim, você não precisa gastar horas na cozinha, consegue um resultado inesquecível e ainda dá para aproveitar cada minuto com as pessoas que amamos.

É a combinação perfeita para o feriado! Agora é só fazer a sua programação e preparar esta maravilha.

Veja o modo de preparo abaixo:
 

Como fazer Carbonara Express

Ingredientes:

1 pacote de Spaguetti Express

150g de bacon cortado em tiras

½ de creme de leite

1 ovo

½ cebola

Salsa picada a gosto
 

Modo de Preparo:

- Em uma frigideira, frite o bacon, na própria gordura, até dourar, adicione a cebola e refogue-os.

- Adicione o creme de leite e mexa por 3 minutos.

- Cozinhe o macarrão e adicione imediatamente a mistura de bacon com creme de leite.

- Coloque o ovo inteiro na mistura e apague o fogo.

- Envolva tudo com a ajuda de dois garfos: o ovo deve cozinhar no calor do molho e da massa.
 

Tempo de Preparo: 20 minutos

Porções: 4 porções

Confira as palestras e restaurantes que participam do Natal Fest Gourmet, dentro do Natal em Natal

15 de Novembro 2018 - 06:00

As novidades da gastronomia potiguar e os temas em pauta entre os chefs e pesquisadores natalenses terão um espaço especial no II Natal Fest Gourmet. A oportunidade será no Seminário Técnico Gastronômico, que integra a programação do festival nos dias 22, 23 e 24 de novembro, no Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Natal, acesso pela rua Chile, Ribeira. O seminário, assim como o festival, terá acesso gratuito para todos os públicos.

Inserido no calendário do Natal em Natal, o Natal Fest Gourmet contará com patrocínio da Prefeitura de Natal e Unimed Natal através da Lei Djalma Maranhão de Incentivos Culturais. Também contará com ações de entidades parceiras de grande atuação na formação do mercado profissional do Rio Grande do Norte. O SENAC-RN participa com as oficinas da Arena Senac de Gastronomia. O SENAI terá espaço para mostrar ao público seu setor de panificação, o SESI aborda o reaproveitamento alimentar (Cozinha Brasil). O SESC-RN será responsável pela ativação musical e o SEBRAE-RN com exposição de produtos de terroir potiguar.

No segmento de restaurantes, o público poderá conferir pratos a preços módicos elaborados pelos restaurantes Totoia Restaurante, Paçoca de Pilão, Cozinha Ecológica Debora Sá, Cordeiro Chique, Chopp e Camarão, Johnny e Joey, Massa Fina, Caroli Doces e CrooksCookie. Para a criançada, o Natal Fest Gourmet reservou um lugar especial com o espaço kids coordenado pela empresa Divirta Kids, que oferece atividades criativas e monitores experientes. O espaço será instalado no primeiro andar do Terminal, oferecendo comodidade e segurança para pais e crianças. A programação contará ainda com feirinha de produtos gastronômicos.

PALESTRAS ESPECIAIS

Os palestrantes convidados para o Seminário Técnico de Gastronomia são pessoas ativas em seu segmentos gastronômicos e abordarão as boas novas do segmento queijeiro potiguar aos experimentos de azeites e temperos, passando pela cozinha vegana e a importância de se trabalhar a identidade cultural na gastronomia.

Na quinta-feira (22) a abertura será com o tema “Gastronomia e Identidade Cultural” pela pesquisadora de cozinha potiguar Adriana Lucena. A chef e proprietária do sítio Aroeira e uma ativista do movimento mundial Terra Madre, que luta por uma gastronomia que valorize toda a cadeia produtiva. A chef participa de eventos pelo Brasil sobre temas como queijos artesanais, mel de Jandaíra e pimentas nativas.

O mestre cervejeiro Fábio DeSilva, criador da cerveja artesanal Perversa, falará na sequência (às 20h) sobre “Cervejaria Artesanal e Mercado Cervejeiro no RN”. Na sexta-feira (23), o Seminário será aberto às 19h pelo laticinista Raoni Cabogim, que falará sobre “Tendências dos queijos artesanais potiguares”. Logo após, às 20h, a especialista em comida vegana e empreendedora do restaurante Cozinha Ecológica, chef Deborah Sá, fará uma abordagem sobre o tema pelo viés da cozinha contemporânea. No sábado, o seminário será reaberto pela chef e pesquisadora Gabriela Sales, representando a Funcarte. Ela fará uma leitura atual sobre diversidade alimentar — “PANCs: a revolução alimentar brota nas hortas comunitárias”. No encerramento, a partir das 20h, os participantes vão contar com a fala do mago dos temperos Sérgio Motta, proprietário da Korin. Seu tema será “A Alquimia dos temperos e azeites”. 

HOMENAGEM

Durante os três dias, haverá ainda uma feira de produtos gastronômicos com novidades no setor, entre alimentos, bebidas e equipamentos, além de espaço para ingredientes locais. A boa música completa a programação com duas atrações por noite.

O Natal Fest Gourmet também irá homenagear ainda uma personalidade da gastronomia potiguar, com o Prêmio Le Magnifique Chef, entregue no encerramento das oficinas. No ano passado, o homenageado foi o chef francês radicado no RN, François Schmmit. Este ano, o convidado para receber a homenagem é Tadeu Lubambo, criador do Camamo, que tem uma contribuição significativa no fomento da gastronomia potiguar.

“O festival será a oportunidade dos natalenses e turistas aproveitarem um ambiente único, que junta gastronomia, cultura e turismo, neste novo espaço de frente para o Potengi, tal como nas grandes cidades turísticas que tem atividades culturais e gastronômicas à margem de seus rios. É um dos recantos mais bonitos de Natal”, avaliou o diretor do Natal Fest Gourmet, Habib Chalita. O produtor destaca o acesso livre para o público, sem cobrança de ingresso.

O LOCAL

De acordo com Habib Chalita, a escolha tem relação direta com o objetivo do festival, que é dar o pontapé para colocar Natal na capital gastronômica do Nordeste durante o período. O projeto está inserido na programação do Natal em Natal, promovido pela Prefeitura do Natal.

O Terminal Marítimo de Passageiros foi construído com recursos do Governo Federal e é administrado pela Codern (Companhia Docas do Rio Grande do Norte). Foi entregue à cidade há alguns meses. Sua estrutura ampla e moderna começa a ser utilizada tanto de desembarque de turistas que viajam de navio, como para eventos culturais do calendário da cidade. A estrutura conta com dois pavimentos internos, salões de eventos, um mirante e a faixa que margeia o cais. Também possui banheiros e elevadores. O local acomoda mais de 2 mil pessoas, de acordo com dados da Codern. No século passado, no prédio de acesso ao terminal funcionou um frigorífico.

SERVIÇO

I Natal Fest Gourmet

Dias 22, 23 e 24 de novembro, nas novas instalações

Do Terminal Marítimo de Passageiros de Natal, rua Chile, Ribeira.

Acesso gratuito. 

ASSESSORIA DE IMPRENSA

Fatonovo Comunicação

84 999743839

Fotos do Natal FestGourmet: Rogério Vital

foto do Terminal: Codern/Cedida

 

 

Seminário Técnico de Gastronomia

DIA 22.11

19hs – Adriana Lucena: “Gastronomia e identidade cultural”

20hs – Fábio DeSilva: “Cervejaria artesanal e mercado cervejeiro potiguar”

 

DIA 23.11

19h Raoni Cabogim: “Tendências dos queijos artesanais do RN”

20h – Deborah Sá: “O vegano na gastronomia contemporânea”

 

DIA 24.11

19h Gabriela Sales: “As Pancs: A revolução alimentar brota das hortas comunitárias”

20h – Sérgio Motta: “A alquimia dos Azeites e Temperos”

Rabo de Galo é o drink a base de Cachaça mais consumido do Brasil

14 de Novembro 2018 - 06:00

drink Rabo de Galo, assim como a Caipirinha, é um patrimônio cultural do Brasil com 64 anos de história. Sua propagação começou na cidade de São Paulo com a chegada de uma fábrica de bebidas nos anos 50. A indústria queria atender os anseios alcoólicos dos imigrantes italianos. No entanto, estes consumidores encantados pela Cachaça não bebiam mais o Vermute, mas apreciavam muito o “ouro líquido brasileiro”.

Assim, foi criada uma mistura dos dois, inclusive com copo exclusivo, que continha marcação das doses. Segundo relatos, o fundo do copo era mais grosso para aguentar a batida no balcão, na volta do gole. Inclusive, a bebida era para ser chamada de Cocktail, mas a idéia foi rapidamente descartada e substituída pela tradução da palavra em inglês Cocktail, que, em português, significa Rabo de Galo.   

O Rabo de Galo, que inicialmente tinha em sua proporção original 2/3 de Cachaça para 1/3 de Vermute, nos dias de hoje não tem uma receita exata e nem há uma técnica fixa de preparo: as bebidas podem ser misturadas num mixing glass com gelo ou no próprio copo de servir.

Com essas nuances de preparo se tornou o drink mais consumido pela boemia no país. Para se ter uma idéia, dos 1,3 bilhões de litros de Cachaças consumidos nos estados brasileiros, cerca de 70% é de Rabo de Galo, segundo os organizadores do II Concurso Nacional do Rabo, que acontecerá em 3 de dezembro em São Paulo.  

Este evento reunirá bartenders e mixologistas de todo país que prepararão receitas inéditas da bebida e o público poderá degustar gratuitamente as Cachaças expostas no encontro. O II Concurso Nacional do Rabo de Galo será das 13h às 20h, no Leques Brasil Hotel Escola, na Rua São Joaquim, 216 - Liberdade. Para mais informações, acesse: www.facebook.com/pg/rabodegalo.oficialbrasil 

Em 2017, o evento atraiu centenas de pessoas interessadas em conhecer mais sobre a origem do drink e seus variados sabores, sendo um verdadeiro sucesso.

“Temos o propósito de promover a Cachaça e criar uma grande possibilidade de diversificação de seu uso em cocktails. Para isso, vamos reunir um grande número de bartenders para uma festa de criações diversas e receitas exclusivas do Rabo de Galo, despertando o interesse das pessoas, em relação ao sabor da bebida e sua história”comenta o Mestre Derivan, um dos idealizadores do evento.  

Este movimento visa ainda levar o Rabo de Galo a alçar vôos mais altos. O objetivo é que este drink seja o segundo coquetel brasileiro à base de Cachaça a ser inserido na lista da IBA - International Bartenders Association.

Essa seleta lista conta com quase 100 drinks considerados os clássicos do mundo e tem como base diversos destilados. Todo barman precisa conhecer e saber fazer estes cocktails.

O Brasil já consta nesta listagem com a Caipirinha, que é um drink muito apreciado e conhecido no mundo, sendo a responsável pela disseminação do consumo de Cachaça no mercado internacional.

“Queremos aumentar a presença brasileira nesta carta da IBA. Esta inclusão será uma nova jornada e um grande passo para a nossa coquetelaria e também para a Cachaça”, explica Daniel Júlio, um dos idealizadores do concurso.  

Como fazer Salada de Gnocchi com Melão e Presunto

13 de Novembro 2018 - 06:00

Pode comemorar, pois estamos na estação mais florida do ano, a Primavera. Com clima ameno e dias mais chuvosos, essa estação tem o poder de transformar a paisagem, trazendo mais cor e vida para a natureza.

É o período ideal para elaborar pratos mais coloridos e refrescantes, como saladas à base de carboidratos, fibra e proteínas. Tudo isso fica mais gostoso sabendo escolher o melhor tipo de massa!

Aprenda então com uma receita deliciosa que rende até 5 porções, ideal para dividir com a família e amigos: Salada de Gnocchi com Melão e Presunto.

Aproveite esta época agradável e tenha dias mais leves, equilibrados e felizes junto das pessoas que você ama!

Veja o modo de preparo abaixo.

Ingredientes:

Salada
1 embalagem de Gnocchi Grano Duro (500g)
2 fatias médias de melão em cubos
150g de presunto em cubos
200g de queijo provolone ralado grosso
100g de uvas passas
Sal

Vinagrete de Melão
6 colheres (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de suco de limão
4 colheres (sopa) de creme de leite
1 dente de alho pequeno
2 fatias médias de melão
Sal e pimenta-do-reino a gosto

Para decorar
Salsinha picada a gosto
Folhas de hortelã para decorar

Modo de Preparo:
- Comece preparando o vinagrete de melão. Bata no liquidificador todos os ingredientes, acerte o sal, tempere com a pimenta-do-reino e reserve.  
- Em uma panela grande ferva 5 litros de água com sal e cozinhe a massa. Para isso, coloque a massa e mexa de vez em quando, até que a água volte a ferver. Deixe cozinhar de 9 a 11 minutos ou até que fique “al dente”, ou seja, macia, porém resistente à mordida.
- Escorra a massa e esfrie em água corrente. Coloque em uma travessa grande, acrescente o vinagrete de melão e envolva com a ajuda de dois garfos grandes.
- Junte o melão, o presunto, o queijo provolone, as uvas passas e misture com a massa delicadamente. Decore com a salsinha e as folhas de hortelã. Sirva a seguir.

Rendimento: 5 porções

Fonte: Adria

Receita: Linguine com Camarões ao Cheddar

12 de Novembro 2018 - 06:00

Ingredientes:

500g de Linguine

500ml de creme de leite fresco

3 colheres de sopa de manteiga com sal

200g de cheddar

500g de filé de camarão grande

1 cebola pequena cortada em tiras

2 dentes de alho picados

Salsinha desidratada a gosto

Sal e pimenta a gosto

Modo de Preparo:

- Cozinhe o Linguine para que fique bem soltinho.

-Coloque a manteiga numa panela e deixe derreter. Depois coloque a cebola e o alho e refogue um pouco. Acrescente logo em seguida os camarões e a salsinha.   

- Tempere tudo com sal e pimenta. Acrescente o creme de leite e espere reduzir um pouco.

- Quando estiver cremoso acrescente o Cheddar.

- Misture o molho a massa e sirva.