Polícia

em 7 agosto, 2018

Polícia prende líder de facção criminosa nas cidades de São José do Campestre e Tangará

Uma ação conjunta da Polícia Civil e Militar de  São José do Campestre resultou na prisão, na manhã desta terça-feira (07), de Francisco de Assis Daladier Clementino Gomes, conhecido como “Baratinha”, 22 anos, em um desdobramento da Operação Silêncio, realizada no dia 27 de junho, nas cidades de São José do Campestre e Tangará. O mesmo possui três mandados de prisao em aberto e é um dos bandidos mais perigosos da regiao.

A prisão do suspeito aconteceu no conjunto Vale Dourado, no bairro de Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal, após um período de mais de trinta dias de investigação. “Baratinha”, preso em cumprimento a um mandado de prisão pelos crimes de tráfico de drogas e organização criminosa, é apontado como líder de uma facção criminosa estadual nas cidades de São José do Campestre e Tangará. Além das condenações, ele é investigado por crimes de roubo, furto, receptação e homicídio.

Na abordagem a residência onde o suspeito estava, os policiais encontraram uma porção de maconha, um caderno com anotações de valores, três cartuchos de munição calibre 44 e uma faca, o que resulta na autuação em flagrante do suspeito pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. 

Francisco de Assis, o “Baratinha”, foi o 13º preso dentro da Operação Silêncio, que teve por objetivo desarticular uma facção criminosa que estava atuando na região.