Polícia

em 11 maio, 2018

Sob forte comoção, professor encontrado morto em Extremoz é sepultado

Na noite dessa quinta-feira (10), o professor de geografia Judson Rodrigues de Castro, de 33 anos, foi sepultado no cemitério Parque da Passagem, em Extremoz. O momento foi marcado por forte comoção e presença de familiares, amigos e alunos.

Morto e enterrado no quintal de uma casa na cidade de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, o corpo de Judson foi encontrado na tarde de quarta-feira (9), após a prisão de dois suspeitos. A hipótese da polícia é que o professor foi vítima de latrocínio.