Tecnologia

em 17 abril, 2018

Solução de inteligência artificial vence o hackathon da JFRN na Campus Party Natal

A equipe de número 7 que apresentou solução de inteligência artificial foi vencedora do hackathon da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, apresentado durante a Campus Party Natal. O time de quatro jovens propôs uma raspagem dos dados de petições e sentenças visando aplicar dados estatísticos de probabilidade de determinada ação receber tutela ou não.

O segundo lugar foi uma aplicação mobile que lê os dados do processo e facilitar a linguagem para o cidadão. O terceiro lugar foi para identificar e prever demandas repetitivas a partir da leitura de dados de processos anteriores.

Dos 16 times que participaram do hackathon promovido pela Justiça Federal no Rio Grande do Norte durante a Campus Party, mas apenas nove equipes apresentaramsolução.

“A Justiça Federal no Rio Grande do Norte, mais uma vez, demonstrou seu pioneirismo ao se tornar a primeira instituição do Judiciário a participar de uma edição da Campus Party. Tivemos oportunidade de expor as nossas inovações para toda comunidade e, com os hackathons, temos como legado soluções importantes para agilizar e ampliar o acesso judicial”, avaliou o Diretor do Foro da JFRN, Juiz Federal Marco Bruno Miranda.