Economia

em 20 dezembro, 2019

Amaro Sales fica na presidência da Fiern até 2023

Foto: Site Fiern


Titular da 4ª Vara do Trabalho de Natal, o juiz Manoel Medeiros validou ontem (19) a assembleia realizada em setembro que prorrogou o mandato do presidente da Fiern, Amaro Sales, até 30 de outubro de 2023. Assim, rejeitou o pedido de sindicatos filiados para seu afastamento sob alegação de fraude na ata para tempo indeterminado de novo mandato.

Na decisão, destacou o magistrado: “O mandato da diretoria que se expirará em 30 de outubro de 2019 fica prorrogado até 30 de outubro de 2023, não se aplicando a vedação prevista no Artigo 23 deste Estatuto. Parágrafo único. O mandato seguinte obedecerá ao disposto no artigo 14 deste Estatuto, tendo, portanto, duração de 04 (quatro) anos, contados a partir de 31 de outubro de 2023″.

Sobre a decisão, a Fiern emitiu nota:

O presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (FIERN), Amaro Sales, e sua diretoria receberam com absoluta serenidade e como sinal de que crescem suas responsabilidades a decisão da Justiça que reconheceu a prorrogação dos seus mandatos até 2023.

Não há vencedores ou vencidos, tampouco espaço para rusgas. Há, isto sim, a necessidade de que a instituição esteja cada vez mais coesa e forte na defesa dos interesses da indústria potiguar, do desenvolvimento do Rio Grande do Norte – e é por esse objetivo que a atual diretoria da FIERN continuará lutando e dispendendo esforços, na certeza de que conta com o empenho de todos os seus filiados.

Natal, 20 de dezembro de 2019.

 

Autor(a): Saulo de Castro