Política

em 6 fevereiro, 2020

Canuto é demitido, Rogério Marinho assume Ministério do Desenvolvimento

Foto: Arquivo EBC

Ex-vereador de Natal e ex-deputado federal, que não conseguiu se reeleger nas últimas eleições, o tucano Rogério Marinho, que ganhou destaque no destemor ao defender a reforma trabalhista, e depois previdenciária, ganha mais corpo no governo Bolsonaro.

Agora é ministro. E ministério de grande porte. Assume o lugar do demitido Gustavo Canuto no comando do Ministério do Desenvolvimento Regional. A nomeação já está no Diário Oficial da União (DOU).

RM atuava como secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, queridinho de Paulo Guedes desde a transição de governo, no fim de 2018. 

Em tempo

O Ministério do Desenvolvimento foi criado pelo governo Bolsonaro a partir da junção de dos ministérios das Cidades e da Integração Regional.

Autor(a): Eliana Lima