Política

em 6 abril, 2020

Generais e Congresso contrários à demissão de Mandetta, ministro fica

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Estrelas do alto comando das Forças Armadas contra a demissão de Luiz Henrique Mandetta do Ministério da Saúde. Os ministros Braga Netto, Luiz Eduardo Ramos, Fernando Azevedo e Silva e o almirante Flávio Rocha já se manifestaram contrários à demissão.

Presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-PA) ligou para o presidente Jair Bolsonaro e disse que o Congresso não aceitará demissão de Mandetta.

As informações em Brasília são de que Bolsonaro já teve uma conversa preliminar com Mandetta e a exoneração está descartada.

Atualização 20h30: o ministro Mandetta confirma que continua no comando da Saúde sob a afirmação de que "médico não abandona paciente". Da conversa com Bolsonaro, concordou em reduzir o isolamento em locais que estejam sob controle do sistema de saúde.

Repetiu várias vezes: "Ciência, disciplina, foco". 

Continha: "O momento é de cautela e precaução".

Alertou para evitar especulações e a elas dar atenção.

Autor(a): Eliana Lima