Economia

em 17 fevereiro, 2020

Olhaí!

O Ministério da Economia (ME) referenda: "A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 684 milhões e corrente de comércio de US$ 6,941 bilhões, na segunda semana de fevereiro de 2020, como resultado de exportações no valor de US$ 3,812 bilhões e importações de US$ 3,129 bilhões". 

Os dados, divulgados hoje (17), são da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia (Secex). "No mês, as exportações somam US$ 8,411 bilhões e as importações, US$ 6,624 bilhões, com saldo positivo de US$ 1,787 bilhão e corrente de comércio de US$ 15,035 bilhões".

Em relação a janeiro de 2020, houve aumento de 28,1%, devido à expansão nas vendas de produtos semimanufaturados (+2,3%), de US$ 98,2 milhões para US$ 100,5 milhões; manufaturados (+25,2%), de US$ 231,4 milhões para US$ 289,8 milhões, e de produtos básicos (+38%), de US$ 326,8 milhões para US$ 450,9 milhões.

De importações, a média diária até a segunda semana de fevereiro de 2020, de US$ 662,4 milhões, ficou 5% acima da média de fevereiro do ano passado (US$ 631,1 milhões). Nesse comparativo, cresceram os gastos, principalmente, com cobre e suas obras (+71,1%), farmacêuticos (+24,3%), equipamentos mecânicos (+15,2%), plásticos e obras (+10,7%), químicos orgânicos e inorgânicos (+9,9%).

Em relação a janeiro de 2020, houve queda de 9,9% nas importações, pela diminuição em siderúrgicos (-19%), equipamentos eletroeletrônicos (-13,6%), equipamentos mecânicos (-8,7%), veículos automóveis e partes (-6,4%), instrumentos de ótica e precisão (-5,5%).

Autor(a): Eliana Lima