Mundo

em 11 março, 2020

OMS declara pandemia de coronavírus

Aconteceu agora há pouco o que já era esperado: a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou, hoje (11), como pandemia  o estado da contaminação pelo novo coronavírus no mundo. 

O anúncio foi feito pelo diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, durante coletiva de imprensa, em Genebra. Caracterização diante do cenário de mais de 120 países com casos declarados de infeção.‬

‪A mudança de classificação, entretanto, não se deve à gravidade da doença, e sim à disseminação geográfica rápida que o Covid-19 tem apresentado. 

Destacou

"A OMS tem tratado da disseminação [do Covid-19] em uma escala de tempo muito curta, e estamos muito preocupados com os níveis alarmantes de contaminação e, também, de falta de ação [dos governos]. Por essa razão, consideramos que o Covid-19 pode ser caracterizado como uma pandemia".‬

‪Para evitar criar o pânico, acrescentou: "não podemos dizer isto de forma mais clara ou contundente. Todos os países podem mudar o curso desta pandemia. Estamos nisto juntos e precisamos de fazer com calma aquilo que é necessário".‬

Pandemia

Diretor-geral para situações de emergência, Mike Ryan explicou que a utilização da palavra "pandemia" é meramente descritiva da situação e "não altera em nada aquilo que estamos fazendo".‬

Preocupação 

Segundo a OMS, um dos casos mais preocupantes é o do Irã, onde a situação no país é considerada "muito grave",  e apelou para maior vigilância e maiores cuidados dos doentes.‬

‪A organização reconhece que os iranianos estão fazendo o que podem, mas enfrentam falta de material e de equipamentos médicos.‬ A OMS enviou 40 mil testes nas últimas 24 horas, mas os suprimentos são "muito, muito escassos" e está difícil encontrar fornecedores.‬

Com informações da Agência Brasil.

Autor(a): Eliana Lima