Esportes

em 17 março, 2020

Sadef conquista 141 medalhas no Norte-Nordeste

Foto: Divulgação

A Sadef – Sociedade Amigos do Deficiente Físico do RN, ultrapassou este ano, o número de medalhas do ano passado na etapa Norte-Nordeste do Circuito Brasil Loterias Caixa, realizado no fim de semana em Recife.

“Nossa meta era superar as 120 medalhas de 2019, e voltamos com 141 pódios nas três modalidades disputadas. Estamos felizes e orgulhosos de cada conquista, frutos de um trabalho incansável de toda nossa equipe e dos atletas”, comemora Tercio Tinoco, presidente da associação.

No halterofilismo, foram 18 medalhas, metade delas de ouro. O que fez da Sadef o clube campeão geral na modalidade. Entre os homens, todos os 11 paratletas subiram ao pódio. Destaque para Junior França, campeão da Copa do Mundo, que confirmou o favoritismo e faturou o ouro na categoria até 49kg, levantando o triplo: 147kg. A mulherada não ficou atrás, e voltou com 7 medalhas, 5 delas de ouro.

No atletismo, como se não bastassem as 54 medalhas conquistadas, a Sadef ainda teve conquistas importantes. Lucas Batista, de 17 anos, e apenas 5 meses de treinos, competiu pela primeira vez na modalidade e quebrou o recorde brasileiro do lançamento de dardo. “Ele superou a marca anterior em mais de 5 metros, chegando aos 27,86m. É um atleta muito dedicado e muito promissor”, diz o técnico da Sadef, Felix Guedes. Além dele, Efraim Andrade se destacou como melhor atleta da competição. Com ouros nos 100, 200 e 400m, assumiu a vice-liderança do ranking brasileiro e um posto entre os 10 melhores atletas do mundo.

A natação, como sempre, também foi responsável por um bom peso na bagagem de volta: 69 medalhas, a maioria de ouro, conquistadas pelos 29 atletas da modalidade. A Sadef ainda foi o melhor clube na categoria Deficiência Física Classe Alta, teve o técnico Pedro Lucas Marinho eleito o mais eficiente da disputa, e o atleta Igor Matheus o mais eficiente entre os homens. 

Agora, os próximos desafios vão aguardar. Por causa da pandemia de coronavírus, o presidente do Comitê Paralimpíco Brasileiro, Mizael Conrado de Oliveira, anunciou o cancelamento de todas as competições previstas no CT Paralímpico.

 Sadef no Norte-Nordeste 

 Halterofilismo (18 medalhas) 
9 ouros, 6 pratas, e 3 bronzes

 Atletismo (54 medalhas) 
23 ouros, 22 pratas, 9 bronzes

 Natação (69 medalhas) 
29 ouros, 20 pratas, 20 bronzes

Equipe de natação

Autor(a): Eliana Lima