Política

em 12 fevereiro, 2020

Zenaide Maia defende carreira de servidor público

Foto: Fernando Oliveira

Na audiência pública que aconteceu ontem (11) na Comissão de Direitos Humanos (CDH), sobre "Direito do trabalho, com foco na reforma administrativa", a senadora potiguar Zenaide Maia (PROS) manifestou sua posição contrária à proposta de reforma, a ser enviada pelo Executivo, que deve reduzir o número de carreiras e as formas de progressão do servidor público, com o objetivo de diminuir os custos da máquina pública.

Declarou:

- O Brasil precisa acordar. Estado mínimo não é a solução. O servidor público precisa ter seus direitos defendidos. Essa reforma administrativa é um desmonte grande para o serviço público e não existe política de estado sem servidor público.

Na sessão plenária, voltou a cobrar dos senadores e do governo mais investimentos na educação (Fundeb), além de investimentos na construção civil, que na sua opinião é um dos setores que mais gera emprego no País.

Autor(a): Eliana Lima